Ballet Nacional do Brasil | Repertório da Cia

Karmina Burana

Cia de Dança

Músicas: Carl Orff
Coreografia: Maria Dolores Pestelli

O Ballet e o Poema "A Primavera" é dedicado à pessoa que mais amo, e que por alguma razão desconhecida, se ilumina diante de meus olhos, e eu a vejo como um ídolo, por me transportar a minha infância querida.

A alegre face da primavera
Volta-se para o mundo,
O rigoroso inverno já foge vencido,
Com sua colorida vestimenta
Flora preside docemente a floresta.
Estendido no regaço de Flora,
Febo mais uma vez sorri,
Agora coberto de flores Multicores,
Zéfiro respira seu suava odor,
Ao prêmio do amor.

O doce rouxinol faz soar sua lira,
Já riem as luminosas clareiras floridas,
Saem os pássaros em revoada dos
Bosques encantadores.

O sol a tudo esquenta,
Puro e suave,
Novamente revela ao mundo sua face.

Para amor é impelida a alegria
A alma do homem
E jovial impera o deus-menino.

Toda essa renovação,
Na gloriosa estação, e
Por ordem da primavera
Leva-nos a rejubilar;
Abre-te os caminhos conhecidos.
E em tua renovação,
É justo e correto que
Desfrutes do que é teu

Ama-me fielmente!
Vê como sou fiel:
Com todo o meu coração e
Com toda a minha alma,
Estou contido mesmo quando
Distante.